Club de
Marechal Cândido Rondon
25 de Julho

Posse de Companheiros

Em reunião festiva na noite de 07/05/2019, foram empossados 03 (três) novos companheiros no Rotary Club de Marechal Cândido Rondon - 25 de Julho. Aline Marki - Calssificaçõ: Farmácia;Carina Frank - Classificação: Psicologia; eMaxion Souza - Serviço Público - Poder Legislativo. 

Postado em 08 de Maio de 2019

Posse do companheiro Vanderlei Klein

No dia 19/02/2019 tomou posse o companheiro Vanderlei Klein no Rotary Club de Marechal Cândido Rondon - 25 de Julho, tendo como madrinha a compnaheira Mirta Steinmacher.

Postado em 20 de Fevereiro de 2019

Lacre Solidário

Aconteceu na reunião do dia 06 de novembro de 2018, a entrega de placas de agradecimento à Diretora do Colégio Estadual do Campo, do Distrito de Margarida, Sra. Dorotea Krummenauer e ao Agente Ambiental Sr. Carlos Alberto de Moura. Esta homenagem ocorreu pela parceria firmada entre o Colégio, o Sr. Carlos e o nosso Rotary Club, no projeto do Lacre Solidário, o qual é de grande sucesso entre todos os envolvidos. O Rotary Club, através da empresa parceira VipNet, disponibiliza ao Colégio o acesso à rede de fibra óptica – Internet – 25Mb; em contrapartida o Colégio através dos seus alunos e do Sr. Carlos, repassam mensalmente uma garrafa pet de 2l com lacres de latinhas. Durante o período deste projeto já foram repassados 46 pets com lacres. A Sra. Dorotea agradeceu imensamente o acolhimento desta ideia, onde segundo ela a “internet é um recurso de trabalho”. Relatou que com as mudanças no governo, as escolas estaduais tiveram a necessidade de por conta própria buscarem o acesso à internet. Com este projeto, a comunidade do Distrito de Margarida está trabalhando em conjunto com o Colégio. Comentou que no ano de 2015 ocorreu um sinistro na escola, onde a mesma foi incendiada. Com esta parceria, conseguiram economizar o valor que seria despendido com a internet, e adquiriram câmeras para vigilância. O Colégio tem os muros baixos e hoje não possui cadeados nos portões, pois hoje os alunos vão nos finais de semana para o a escola ter acesso a internet e consequentemente acabam por “cuidar” dele. Disse ainda que “esse trabalho que o Rotary tem para com o jovem é muito importante. O carinho que os alunos têm com o projeto é muito gratificante”; e finalizou afirmando que “os alunos perceberam que eles foram acolhidos pelo Rotary”.   Por sua vez, o Sr. Carlos disse que com a conscientização dos alunos e dos moradores de Margarida, hoje ele consegue manter um ponto de coleta de reciclados no Distrito. No seu linguajar simples, mas muito verdadeiro, não vai ficar nada “no mundo ambiental ele vai ser reciclado”. Nesta noite o Sr. Carlos também repassou cadeiras de rodas que foram encontradas por ele, as quais serão devidamente recuperadas e transmitidas ao Banco de Cadeiras de Rodas da ASR. 

Postado em 07 de Novembro de 2018

VII Torneio Brasileiro de Tênis para Rotarianos

O VII Torneio Brasileiro de Tênis para Rotarianos irá acontecer na cidade de Foz do Iguaçu/PR nos dias 13 a 16 de novembro de 2019. As inscrições já estão abertas através do site www.itfr.org  Além de rotarianos, também podem participar os cônjuges, filhos, netos, genros e noras. Mais informações diretamente com a organização do evento. O valor das inscrições serão destinadas para a Fundação Rotária através do programa EndPolioNow.

Postado em 20 de Maio de 2019

Informativo Rotário de Abril de 2019

Família Rotária de Cascavel espera a família rotária do Distrito 4640 de braços abertos. Clubes participam da Assembleia Distrital em Foz do Iguaçu. Ryla reúne jovens de todo distrito em Medianeira. Novos clubes são criados e fortalecem o quadro Associativo do Distrito.

Postado em 11 de Maio de 2019

Ver todos

Baile do Porca Pipa 25/05

Neste sábado dia 25/05, as 22:30hrs, o RCFB ALVORADA, promove, no Santa Fé Clube de Campo, em Francisco Beltrão, a 20° edição do Baile do Porca Pipa. Venha se divertir conosco.

Em 21/05/2019 por Rotary Club de Francisco Beltrão-Alvorada

Menção da Governadora

Na Conferência Distrital em Cascavel ocorrido nos dias 17 e 18 maio, denominada a "Conferência da Inspiração", o Rotary Club de Foz do Iguaçu-Grande Lago recebeu a Menção da Governadora em duas oportunidades, por ter obtido dois novos membros no programa da Sociedade Paul Harris e a Menção Presidencial no cumprimento das metas estabelecidas pelo Rotary Internacional, além de outros reconhecimentos e premiações, com destaque por ter encaminhado projeto de subsídio global à Fundação Rotária e contribuição per capita para a Fundação Rotária. As metas e desafios cumpridas no ano rotário da Inspiração contemplaram esforços no desenvolvimento do quadro associativo, fundação rotária, imagem pública, projetos humanitários e programas à juventude. Todos os reconhecimentos foram possíveis graças ao planejamento estratégico do clube e ao empenho de todos os associados, familiares e comunidade local, que estiveram inspirados com o ideal de servir. Fica registrado, que o reconhecimento mais importante para o rotariano é ter a oportunidade de servir ao próximo e envolver a comunidade e fazer o bem a quem realmente precisa. Seja a Inspiração.

Em 21/05/2019 por Rotary Club de Foz do Iguaçu-Grande Lago

Sindhotéis de Foz é novo parceiro do Programa Lacre Solidário

O Programa Lacre Solidário da família rotária iguaçuense está de "vento em popa" e não poderia estar em melhor situação, pois o Sindhotéis de Foz do Iguaçu é novo parceiro do programa socioambiental. Seja a Inspiração ajudando quem precisa e preservando o meio ambiente!

Em 21/05/2019 por Rotary Club de Foz do Iguaçu-Grande Lago

ROTARY CLUB DE MEDIANEIRA PARTICIPOU DA 45ª CONFERÊNCIA DISTRITO 4640

Dia 17 e 18 de maio, na cidade de Cascavel aconteceu a 45ª Conferência Distrital, maior evento do Distrito 4640, evento este que tivemos a oportunidade de ver o que foi planejado, e o resultado de um ano maravilhoso de trabalho e realizações, que com certeza ficara para sempre em nossos corações é também a oportunidade demostrar que em Rotary, com dedicação, trabalho e entusiasmo, podemos mais. Estiveram participando, os companheiros Narciso Bernardi e esposa Thiany - Aurélio Trento e Esposa Edina - Antonio Guidarini e esposa Elaine - GA Geovano Manenti e Antonio de Jesus Moreira.

Em 21/05/2019 por Rotary Club de Medianeira

Delegada fala sobre cenário da violência contra a mulher

A delegada da Mulher em Toledo, a companheira Fernanda Lima Moretzsohn, ministrou uma palestra durante a reunião ordinária do Rotary Club de Toledo – Centenário nesta terça-feira (21) sobre a questão da violência contra a mulher. A delegada lembrou de conceitos históricos que sempre passaram a impressão de que a mulher nasceu para ficar em casa cuidando dos filhos. “Esses papeis foram atribuídos pela sociedade e tem caráter discriminatório”, analisa Fernanda. Ela também citou que os papéis masculinos são supervalorizados pela sociedade e isso, de certa forma, contribui para aumentar a violência contra a mulher quando esta “passou a buscar o seu lugar na sociedade e os homens ficaram desgostosos. Os movimentos feministas buscaram direitos e aí surge a violência de gênero”, acrescenta a delegada da Mulher. Outra forma de violência é a diferença econômica. Fernanda Lima Moretzsohn lembrou de pesquisas que apontam as mulheres recebendo cerca de 70% do salário de um homem para exercer a mesma função “e isso é um absurdo”. Outro ponto abordado pela delegada é o vínculo afetivo do agressor com a mulher. “Em geral isso acontece porque a mulher cria um vínculo muito forte com o agressor e acaba sendo uma vítima novamente sem perceber. A delegada citou a aprovação da Lei Maria da Penha como um grande avanço na questão da proteção da mulher agredida porque hoje “a lei define as violências e atribui as penas. As medidas protetivas de urgência. A mulher pode solicitar ao delegado, o qual encaminha para o juiz”, aponta Fernanda Lima Moretzsohn. Ainda de acordo com a delegada, a Lei Maria da Penha protege não apenas a mulher, mas o gênero feminino, independente da orientação. Fernanda citou ainda os três ciclos da violência: atenção, explosão (vias de fato, estupro, entre outras agressões) e lua de mel (quando o agressor promete que vai mudar). “A experiência mostra que é cada vez mais grave quando este ciclo se repete e cabe à mulher dar um fim nisso, embora saibamos não ser fácil por questão de vergonha, de necessidade econômica, do receio em não ser aceita pela própria família, entre outros aspectos”, cita a delegada; Ela ressalta que, quando a autoridade policial tem ciência de um fato, é obrigação investigar o caso e a orientação é romper com a relação. Sem citar números, a delegada Fernanda Lima Moretzsohn disse que dentro do Estado do Paraná os números se equivalem quando o assunto é a violência contra a mulher e, em sua opinião, uma das formas de combater isso e mudar a cultura das pessoas é implantar a educação sexual nas escolas, “não para se aprender libidinagem, mas sim para ensinar às crianças sobre consentimento e sobre o respeito ao próprio corpo”, finaliza.

Em 21/05/2019 por Rotary Club de Toledo-Centenário

Reuniões Terças-Feiras | 20:30
RUA PARANÁ,5072